Imprensa

B. Braun inaugura novo Centro Log�stico em Guaxindiba

Projeto Arquiteto Empreendedor

Prêmio Green Building 2014 - Marcas de Destaque

Arquitetura hospitalar: projetos e detalhes, revista AU Edição 247

X Grande Prêmio de Arquitetura Corporativa

Grandes Marcas Influenciam o Mercado

Os 100 mais influentes da saúde

ENTREVISTA ELETRÔNICA - Greenbuilding Brasil

ZANETTINI ARQUITETURA expõe seus projetos na GREEN BUILDING BRASIL Conferência Internacional e Expo 2013

Os projetos do escritório Zanettini já estão publicados na Galeria da A

Fundamentos da Arquitetura Contemporânea / Siegbert Zanettini

B. Braun investe R$ 346 milhões em nova fábrica

Entrevista com Siegbert Zanettini

Comitiva brasileira do mercado da construção civil sustentável ganha destaque mundial na Greenbuild Internacional Conference & Expo 2012

Centro de Pesquisas da Petrobras ganha novas instalações!

Arquitetos se reúnem para fazer casas para cachorros

III Greenbuilding Brasil Conferência Internacional & Expo 2012

Siegbert Zanettini projeta casinha de cachorro para a “Mais Amor aos Animais”!

ABCEM( Associação Brasileira de Construção Metálica)

Breve: Lançamento do aplicativo da Zanettini Arquitetura para Ipad!

V Congresso Brasileiro para o Desenvolvimento do Edifício Hospitalar.

Fórum Verde onde tem inovação tem a marca Cebrace

Fórum Verde integra exposição internacional na UnB

Zanettini vence prêmio Green Nation Fest com o projeto do Centro de Pesquisas e Desenvolvimento da Petrobras

Fórum Verde integra exposição internacional na UnB

FAU abre exposição sobre Arquitetura Responsável

GreenBuilding Brasil 2012 Conferência Internacional & Expo

Workshop destacou o projeto do Hospital Mater Dei que utiliza avançados processos de construção na obra da Unidade Contorno em BH

Projeto Hospital Mater Dei Unidade Contorno da Zanettini Arquitetura na Revista Health Arq

Chegou ao fim o Concurso Cultural para estudantes e recém-formados da Zanettini Arquitetura!

Festival com entrada gratuita acontece de 31 de maio a 7 de junho no Rio

Projeto Aliah premia melhores ideias do concurso Um Hotel Sustentável Para Uma Copa Verde

Vem aí o maior evento de saúde da América Latina!

B. Braun inaugura novo Centro Logístico em Guaxindiba

Arquitetura Brasileira

Vencedores do concurso Um Hotel Sustentável Para Uma Copa Verde serão premiados em evento paralelo do GBC Brasil durante a Feicon Batimat

Arquitetura Hospitalar

Anunciados os vencedores do concurso

AsBEA lança dois novos livros para sua coleção:

Construir de forma sustentável é o único caminho

O Brasil caminha para um desenvolvimento sustentável na construção civil?

Sem Planos na Área Política

Zanettini lança livro especial na nonaBia e é homenageado em Buenos Aires

Edição especial - A Obra em Aço de Zanettini

Zanettini Arquitetura recebe reconhecimento internacional por investimento em qualidade

Concurso do Projeto Aliah, “Um Hotel Sustentável para uma Copa Verde” irá selecionar modelos de empreendimentos hoteleiros criados por jovens arquitetos

Brasil é o 4º país com mais prédios sustentáveis

Zanettini Arquitetura vence em duas categorias do Prêmio Green Building Brasil 2011

Grandes Construções - Editorial - Um brasileiro dedicado à construção de um novo Brasil

Equipe Zanettini Arquitetura recebe visita do escritório Foster + Partners

Selo comemorativo celebra a inauguração do Fórum Verde no Distrito Federal

Fórum do Meio Ambiente e da Fazenda Pública será inaugurado no Distrito Federal - TJDFT

Instituto Internacional de Pesquisa e Responsabilidade Socioambiental Chico Mendes entrega o certificado de gestão sócio ambiental para Zanettini Arquitetura

Zanettini participa do programa "Pergunte ao Especialista"

Lançamento do livro e a abertura da exposição itinerante “A BOA ARQUITETURA DE UMA GERAÇÃO”, evento que reuniu alunos, professores e amigos arquitetos

Arquiteto Zanettini participa do evento de lançamento da segunda fase da campanha

Zanettini ganha prêmio Greening na Feicon e prêmio destaque no VII Grande Prêmio de Arquitetura Corporativa na 13ª Office Solution

Zanettini, 50 anos de boa arquitetura

Zanettini Arquitetura inaugura Centro de Pesquisas Schlumberger Brazil Research & Geosciences Center – BRGC na Ilha do Fundão, Rio de Janeiro

Arquitetura contemporânea e ecoeficiente de Zanettini é tema do livro “Arquiteturas em Contextos de Inovação”

Zanettini Arquitetura comemora a inauguração do projeto de ampliação do CENPES, da Petrobras

 
Novo Centro de Convenções da Unicamp é projetado em aço por Zanettini

Um edifício será criado para acolher o novo Centro de Convenções na Unicamp, localizado no próprio Campus da Universidade, em Campinas SP, num terreno com um desnível natural de aproximadamente 20 metros. Aproveitando totalmente a natureza de sua topografia, Zanettini incorpora a diferença entre as alturas e cria uma praça suspensa que pode ser acessada por meio de uma passarela ligando a grande praça pública ao edifício.

Pela sua história e experiência em projetos que envolvem tecnologias limpas e seguras em obras de grande com-plexidade, pelo reconhecimento público como um arquiteto pioneiro no Brasil na utilização de estruturas metálicas, e ainda pelo seu grande conhecimento de ambientes universitários como Professor Titular da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo, a Reitoria da Unicamp escolheu o arquiteto Siegbert Zanettini para a elaboração deste novo Centro de Convenções.

“A expectativa minha e também da Unicamp, pela necessidade de funcionamento no menor tempo possível, dada a ausência de um equipamento desse porte na cidade, é que ela esteja pronta à curto prazo. Além disso, esta obra passa a configurar um novo e emblemático portal de entrada para a universidade, digna da sua grandeza e dimensões. Sua inauguração está prevista para o próximo ano”, declara Zanettini.

Com área a edificada de 10.800m², um estacionamento descoberto de 10.850,00m² e áreas de paisagismo e urbanismo de 27.000,00m², a organização dos espaços proposta permite que toda a área livre do terreno, com o projeto paisagístico, possa ser utilizada pela população como área de lazer, com facilidades como lanchonete sanitários para uso público, entre outras.

O edifício contará com um auditório para 1780 lugares, recepção com foyer e área para exposições, além de 6 salas de reunião com 50 lugares cada, restaurante, lanchonete e cozinha, e ambientes de apoio como sanitários, depósitos e salas técnicas. O auditório, ambiente principal da edificação, pode ser dividido em três espaços para usos distintos, com o uso de divisórias removível e acessos independentes de cada lado, cada um com sua infraestrutura própria. No palco, dois grandes telões auxiliam na projeção dasimagens ao grande público. A marcante cobertura inclinada, que gera um espaço interno de acústica apropriada para o uso do auditório, conduz a chuva para o espelho d’água central circular, onde ficará reservada parte da água pluvial de reúso da edificação.

“A área edificável foi totalmente concebida com sistemas estruturais em aço visto que uma grande área externa é pública e parte integrante da concepção ambiental com praças, áreas ajardinadas, estacionamento, sistema viário próprio e integrado à malha viária urbana. Assim este projeto será a nova entrada da Unicamp como um marco compatível com a escala e notoriedade que essa universidade alcançou no País”, detalha Zanettini.

Diversos desafios

Zanettini relatou os desafios técnicos enfrentados no projeto. “Sim, tivemos muito desafios. Primeiro porque a Unicamp, não tendo um auditório de 2.000 lugares, tinha a intenção de versatilizar seu uso, e assim tive que concebê-lo passível de dividi-lo em três, um de 1.000 lugares, e dois de 500 lugares, divididos por painéis acústicos que são recolhidos para as câmaras laterais. Segundo, porque podem ocorrer eventos, feiras e exposições simultâneas e por isso existem dois “foyers” que podem funcionar independentes. Terceiro, pela necessidade de um restaurante de porte e uma lanchonete para atender o público durante os eventos. Quarto, porque o Centro de Convenções é usado para a cidade de Campinas integrado às atividades externas, utilizando-se das áreas públicas de lazer e incorporando a praça e a grande área verde circundante. Quinto, e este foi um desafio complexo, também porque além do espaço central do auditório, com grandes vãos, foram projetadas duas grandes áreas de “foyers”, utilizadas para eventos e exposições e ainda, salas de reuniões, restaurante e lanchonete e demais espaços que complementam o projeto”.

Ele complementa afirmando que o aço está presente como estrutura em todo o complexo construído dada a premência de sua execução que servirá não só à Universidade, mas também à cidade de Campinas que não possui um equipamento deste porte. Os sistemas estruturais em aço eleitos por Zanettini decorrem da forma adotada na qual grandes vigas aparentes que cobrem o auditório convergem todas as águas pluviais para um único Anúncio espelho d’água e ladeiam essa forma referencial do projeto dois planos horizontais com cobertura verde que funcionam como praças de estar e saídas do auditório. Escadas, elevadores, áreas técnicas e de utilidades, piso da platéia e passarela que conecta o Centro com a praça externa, tudo isto teve a sua solução em aço.

“Decorrente da prática que temos adotado há mais de dez anos, não adotamos o critério usual de adicionar projetos complementares e sim disciplinas que evoluam no decorrer de todo o projeto participando desde a concepção do mesmo e contribuindo com soluções também criadoras em todas as suas fases. Em obras que utilizam sistemas de aço sempre solicito os desenhos de fabricação, para verificação da sua compatibilidade com os projetos de arquitetura e estrutura”, informa o arquiteto.

O funcionamento de espaços independentes exigiu complexos sistemas de som, de luz, de projeção e de comunicação lógica interna e externa. E para sua solução foi adotado o sistema Dali para processamento e controle de todas as iluminações dos diversos locais, auditórios, nas áreas de eventos e exposições, assim com as iluminações cênicas de projeções e de segurança. Um complexo sistema de monitoramento computadorizado articula estes com o ar condicionado e outras funções complementares.

Para o arquiteto, o diálogo constante na arquitetura não se dá apenas na relação da estrutura metálica com os demais componentes. “A linguagem do aço necessita de um comportamento próprio, não só com os materiais e componentes, mas com todos os sistemas envolvidos no projeto. O Brasil possui em várias regiões subsolos riquíssimos de ferro extraídos em grande quantidade, como minério e matéria prima para exportação, quando deveria ser produzido em perfis e chapas prontas para serem usadas na construção civil brasileira, não só barateando seus custos como desenvolvendo essa tecnologia profundamente utilizada no exterior e ainda incipiente no país, incentivando assim a formação de novos quadros de criadores e técnicos nos vários níveis profissionais, que ampliariam a porcentagem de projetos em metálica no Brasil que poderia ser muito maior”, conclui Zanettini.

Centro de Convenções Unicamp
Local:
Campinas – SP
Área Total:
45.214,45 m²
Área Construída:
10.797,46 m²
Arquiteto responsável:
Siegbert Zanettini
Arquitetos colaboradores:
Tais Barzocchini
Barbara Kelch Monteiro
Alessandra Salado
Projeto de estrutura metálica:
Tarnoczy Eng Estrutural Ltda.
Ferragens:
Dorma / La Fonte
Forro Metálico
Perfurado:
OWA do Brasil
Chapa cimentícia e Telha Metálica:
Eternit

25 de Maio 2017
Assessoria de
comunicação e
imprensa

Tels: (11) 3849-0394 / 3849-2557 / 3849-9992
E-mail: imprensa@zanettini.com.br